Apaixonado por Alagoas? Nós também! Descubra o porquê!

É só chegar em Alagoas para entender porque o estado ostenta o título de Paraíso das Águas!

São mais de 200 quilômetros de um litoral com mar e praias maravilhosas de um lado e, do outro, o magnífico Rio São Francisco. Atravessando o seu território, os outros rios – como o Mundaú, o Camarajibe e o Coruripe – reforçam ainda mais esta percepção. E, além de tudo isto, as lagoas. Mais que dar nome ao estado onde se localizam, elas são uma inesgotável fonte de inspiração para seus habitantes. A mais famosa, Mundaú, com 23 km2 quadrados, banha a cidade de Maceió.

Maceió: A beleza da capital

A capital do estado, Maceió, é conhecida por ter uma das orlas urbanas mais charmosas do país. De Pajuçara a Jatiúca, suas praias e piscinas naturais de águas cristalinas, mornas e de coloração marcante ocupam mais de três quilômetros de orla arborizada, com ampla ciclovia e calçadão. Com excelente estrutura, oferece a seus visitantes muitas opções de hotéis, badalados bares e diversidade de restaurantes.

Chamada por muitos de Caribe Brasileiro, a Praia de Pajuçara é a mais prestigiada da região e também uma das mais procuradas por turistas que visitam a cidade durante a alta temporada.

Tanta fama justifica-se principalmente pelas irresistíveis piscinas naturais que, a pouca distância da orla, oferecem um mar de águas cristalinas e mornas, perfeita para a observação de peixinhos coloridos entre os corais. Para chegar lá, os banhistas utilizam as tradicionais jangadas e ainda desfrutam de um incrível serviço de bar em pleno mar. Imperdível! Na orla, também existem várias opções de comércio, como restaurantes e lojas de souvenires, além da popular Feirinha de Artesanato.

Já a Praia de Ponta Verde é a mais concorrida da capital. Com mar azul-turquesa, seduz os banhistas com suas águas mansas, que se formam nas barreiras de corais durante a maré baixa e proporcionam um tranquilo banho de mar bem como a prática de esportes como caique e windsurfe. Seu farol é um ícone que a distingue das demais praias da cidade. Ali também se encontram afamadas barracas, muitos bares e restaurantes.

A Praia de Jatiúca é uma continuação da Praia de Ponta Verde, seguindo na direção norte. É conhecida por abrigar competições de esportes náuticos principalmente windsurfe. Já o trecho onde as ondas são mais fortes, o Posto 7, é o preferido dos praticantes de surf. Os turistas vão se encantar com águas mornas de um verde acentuado. Sua orla é bem urbanizada e conta com ciclovias, pista de corrida e galerias comerciais, além de bares e restaurantes.

 

Cultura, artesanato e gastronomia

Mas nem só de praia vive o turismo de Maceió. A cidade conta com diversas atrações culturais interessantes, como galerias de arte e museus. Maceió também conta com bairros históricos como Jaraguá e Centro, que preservam um conjunto arquitetônico repleto de casarios, igrejas e acervos de uma época que retrata a sua história. No folclore, os grupos de folguedos proporcionam aos turistas uma imersão nas tradições culturais alagoanas.

A produção de artesanato e a rica gastronomia dão um toque diferenciado e dizem muito sobre as tradições local. É por meio das mãos ágeis e sábias das rendeiras que matérias-primas são transformadas em arte, cultura e identidade no bairro do Pontal da Barra, às margens da Lagoa do Mundaú, um pacato lugar habitado por artesãs e pescadores. O bordado de Filé ganha destaque por possuir certificado de indicação geográfica, o que exalta a qualidade e o diferencial na sua produção. Não é à toa que essas artesãs são reconhecidas como mestres pelo Ministério da Cultura.

Prove o Sururu de Capote

Quando se trata de gastronomia, Maceió é uma verdadeira mistura de sabores! Das cozinhas regionais às internacionais,só de olhar já dá água na boca! Pratos como, a carne-de-sol com fava ou feijão verde, a feijoada e a galinha ao molho pardo são bastante apreciados. Mas é da rica oferta proveniente do mar, dos rios e das lagoas, que vem a base da culinária local, com peixes nobres como cavala, sirigado e cioba; os pitus, camarões e lagostas; siri e caranguejo; e o mais característico de todos, o sururu, molusco típico das lagoas. São preparados tanto nas barracas de praia quanto por renomados chefs de restaurantes sofisticados, em receitas cheias de cores e sabores, resultando em uma cozinha gourmet de muita personalidade.

Os encantos do litoral Sul

Seguindo no sentido sul, a primeira parada, é na Cidade de Marechal Deodoro, a antiga capital do estado e localizada às margens da Lagoa de Manguaba. Em seu centro histórico, pode-se visitar, entre outras atrações, a casa onde nasceu o nosso primeiro Presidente da República, que dá nome à cidade. Seu lado praiano está representado pela famosa Praia do Francês, com seu indescritível piscinão azul de águas quentes, badaladíssima, charmosa e com uma excelente infraestrutura com hotéis pé na areia e pousadas.

Conheça a famosa Praia do Francês

Seguindo adiante, Barra de São Miguel é um dos destinos mais frequentados do litoral sul e um dos maiores balneários turísticos de Alagoas. Com praias de beleza admirável, o mar é cortado por um paredão de recifes que deixa as águas tranquilas e forma uma piscina natural.

Dali  partem escunas em direção à Praia do Gunga, conhecida internacionalmente como uma das 10 praias mais bonitas do Brasil. Este paraíso une a Lagoa do Roteiro com as águas do Atlântico sendo consideradas uma das grandes atrações do estado. Do Mirante do Gunga, é possível ter uma bela visão panorâmica do coqueiral, da praia e dos recifes da Barra de São Miguel.

Desfrute da Praia do Gunga

Indo em direção ao interior, o turista vai encontrar cidades como Penedo, a mais antiga, às margens do São Francisco. Por fim, vale a pena conhecer a última praia do litoral sul do estado, Pontal do Peba. A praia, a mais extensa de Alagoas, fascina com suas enormes dunas. Aqui é possível assistir a toda a força e beleza da natureza, quando o Rio São Francisco encontra o Oceano Atlântico. Um tocante espetáculo que encanta a todos.

Litoral Norte – A Costa dos Corais

Saindo de Maceió em direção ao norte, pela rodovia AL-101, são cerca de 150 quilômetros do que há de mais belo em todo o litoral brasileiro. Neste trecho, a partir de Paripueira até o litoral pernambucano em Porto de Galinhas, encontra-se a segunda maior barreira de corais do mundo. Isto significa maravilhosas praias de piscinas naturais, de águas mornas e calmas, formando cenários paradisíacos.

Ainda pertencente a Maceió, encontram-se as praias de Guaxuma e Riacho Doce, com muitas casas de veraneio. Mas adiante, Mirante da Sereia e Pratagi. Barra de Santo Antônio é a próxima parada e, seguindo para a Ilha do Croa, há a bela praia de Carro Quebrado e suas incríveis falésias.

Saindo da rodovia e seguindo por estrada secundária, chega-se a um trecho do litoral alagoano, com pouco mais de 20 quilômetros, formado por Barra do Camaragibe, São Miguel dos Milagres e Porto de Pedras.

É um destino perfeito para fugir do turismo de massa. Com piscinas naturais de grande beleza, São Miguel dos Milagres é também o cenário de um dos Reveillons mais procurados do Brasil. São quilômetros de praias quase desertas, que formam um cenário paradisíaco, agregando valor à experiência do visitante. É possível encontrar o artesanato local em belas peças decorativas esculpidas em madeira. Como há poucas opções de alimentação, as melhores estão nos restaurantes das pousadas de luxo da região.

Conheça São Miguel dos Milagres

A AL-101 segue pelo interior e só retorna ao litoral próximo a Maragogi (veja box especial), a poucos quilômetros da divisa com Pernambuco.

Maragogi

A 130 quilômetros de Maceió, Maragogi ostenta um belo coqueiral que percorre toda a extensão de areia das praias, além de possuir um artesanato único e uma riqueza natural exuberante. As famosas galés da Cidade de Maragogi são piscinas naturais que se formam a quilômetros de distância da costa devido à maré baixa que expõe seus recifes de corais e possibilita o contato com peixes de diferentes espécies.

Maragogi: Paraíso das Águas!

São muitas as praias na região de Maragogi que formam piscinas naturais, mas há três principais: Galés, Taoca e Barra Grande. O passeio às piscinas é um clássico local e tem duração de 1h30min. As formações de corais fazem parte da Área de Proteção Ambiental de Alagoas e a exploração com mergulho nas águas cristalinas é uma experiência sem igual. Antes da ida, é importante consultar a tábua de marés. Ideal para o passeio familiar, o lugar também conta com estrutura de barracas e bares nas proximidades.

Mas Maragogi tem muito mais ainda a oferecer. Há praias lindas, ao norte da vila (Burgalhau, Barra Grande, Ponta de Mangue), em que o mar, apesar de não ser cristalino, tem um belíssimo tom azul-bebê. Dificilmente quem faz o bate-volta tem tempo de aproveitar essas praias. Por isso, vale a pena dedicar um tempo maior para conhecer tudo que Maragogi tem de melhor.

Dicas para aproveitar melhor Maragogi

Hospede-se em Maragogi. Assim poderá fazer o passeio na hora mais propícia sem se preocupar com deslocamento.
Vá numa época de lua cheia ou nova. É quando a maré baixa é mais acentuada, aumentando a sensação de aquário nas piscinas.

A História por Testemunha

Historicamente Alagoas foi marcada pelo poder econômico baseado na cana de açúcar, com suas usinas de refinamento e também por uma herança quilombola, localizada no município de União dos Palmares, onde hoje está instalado o Parque Memorial Quilombo dos Palmares que guarda a reconstituição de edificações da época.

Seguindo pela história, outra atração que merece ser visitada é o Museu do Sertão, na cidade de Piranhas, que guarda ainda muitos traços de sua colonização holandesa. Esse museu documenta a história e a cultura do Cangaço, registro de quando os alagoanos foram aterrorizados por Lampião e seu bando.

Apesar de ser um dos menores estados do Brasil, o de Alagoas é grandioso por sua rica história, pela beleza de seu litoral e lagoas e pela alegria contagiante do seu povo. Com certeza conhecer este maravilhoso destino trará a seus visitantes uma experiência enriquecedora e inesquecível! Bora lá? 

 

Print Friendly, PDF & Email

Deixe uma Resposta

Seu e-mail não será publicado.