VIAJE COM A URBI!

Se você quer viajar para qualquer parte do mundo sem se preocupar com nada e muito menos ter sustos ou surpresas desagradáveis, você encontrou a empresa certa. A URBI et ORBI trabalha com entusiasmo e dedicação com um único objetivo: a satisfação de cada um dos nossos passageiros.

Se ainda não sabe para onde viajar você pode entrar na seção DESTINOS, navegar pelos continentes e conhecer os lugares onde a URBI et ORBI pode levar você.

Mas se já sabe o destino e o que precisa é um pacote, acesse nossos PACOTES e DESTINOS, escolha a temporada que deseja viajar, encontre o seu pacote de viagens e solicite sua reserva.

Para comprar um pacote URBI et ORBI também é muito fácil. Entre em contato diretamente conosco e peça o pacote que deseja. Será um prazer ter você viajando com a gente!

PASSAPORTE

O passaporte é o seu documento oficial de identificação no exterior. Para fazer o seu, é necessário imprimir o formulário ou preenchê-lo on-line no site da Polícia Federal, que é o órgão responsável pela emissão do documento. O requerimento também pode ser encontrado nas papelarias.

REQUERENDO O PASSAPORTE PARA BRASILEIROS:

1) Verifique a documentação necessária. Atenção: Não há renovação nem prorrogação de passaporte, se o seu está com prazo de validade expirado ou prestes a expirar e você deseja obter um novo documento de viagem, serão exigidos TODOS os documentos originais relacionados e você deverá solicitar a emissão no próximo passo.

2) Solicite a emissão do passaporte. Se tiver dúvidas sobre o preenchimento dos seus dados, ligue 194. Atenção: somente após a inclusão de seus dados será emitida a Guia de Recolhimento da União – GRU.

3) Pague a GRU, respeitando sua data de vencimento.

4) Compareça ao posto do DPF munido da documentação original exigida (vide item 1), GRU paga e protocolo da solicitação. Não é necessário mais levar fotografia, que será coletada no momento do atendimento. Em algumas unidades do DPF é necessário o agendamento prévio. Verifique aqui se você deve agendar o atendimento no posto escolhido.

5) O passaporte será entregue pessoalmente a seu titular, mediante apresentação de documento de identidade e assinatura de recibo. Busque seu passaporte no horário e local indicados.

Acesse o site  http://www.dpf.gov.br/ para maiores informações.

VISTOS

Visto Americano:
O visto americano é um documento exigido para qualquer pessoa de outra nacionalidade que deseja entrar em território americano e que não possua nacionalidade de um dos países de Isenção de Visto. O visto é necessário até mesmo para crianças ou para o trânsito em um Aeroporto Americano. O governo americano é bem rigoroso em seus critérios para a emissão do visto EUA por questões de segurança, este site tem a finalidade de informar sobre os tipos de vistos e os documentos necessários para emissão do visto.
O governo americano possui uma variedade de vistos, que atendem a diversas finalidades e possuem formulários e requisitos específicos, os tipos mais comuns são: visto de trânsito, visto de imigrante, visto de não imigrante, visto de estudante.

Informações para tirar ou renovar o visto americano, preenchimento de formulário online, pagamento de taxa, emissão do código e agendamento de entrevista estão disponíveis para seu auxílio.

Se você tiver que viajar aos Estados Unidos, precisa tirar o visto americano. Para solicitar, deverá fazer os seguintes passos:

1- O primeiro passo para tirar o visto é preencher o Formulário DS-160 – disponível no site do consulado estadunidense. Ao acessar essa página, você precisa escolher o consulado americano onde deseja fazer sua entrevista (presencial) e, claro, preencher o documento. Para isso, clique em Start an Application”. O formulário é extenso e demanda muita atenção, por isso é recomendável escolher um momento tranquilo para preencher o documento. Caso seja necessário, é possível interromper o processo e retomá-lo em outra hora. Para evitar problemas, antes de finalizar o preenchimento e enviar o formulário, certifique-se de que todas as informações estão corretas.

2- Depois de preencher devidamente e enviar o formulário, é hora de emitir o boleto para pagamento da taxa. Para isso, é necessário fazer um cadastro no Site Oficial de Informações de Visto para os Estados Unidos. Após acessar a página, clique em “Criar Conta”. Você vai precisar preencher alguns dados e solicitar a marcação da entrevista. Lembre-se de selecionar o mesmo consulado solicitado antes, no formulário DS-160. Escolha também como você deseja receber o visto – pode ser entregue em casa ou retirado no CASV de sua preferência. O próximo passo é pagar a taxa cobrada pelo visto. O pagamento pode ser feito via boleto bancário ou cartão de crédito. Ao usar o cartão, o sistema confirma imediatamente o pagamento e libera a marcação da entrevista. Caso prefira boleto, você precisa esperar 24h para confirmar e continuar o precesso. Feito o pagamento, você deve agendar as entrevistas. O primeiro encontro é para cadastramento inicial de suas digitais e obtenção de foto no CASV (Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto) e o segundo é para a entrevista no consulado de sua preferência.

3- O atendimento nesses postos são bem tranquilos e são realizados para agilizar o andamento das entrevistas nos consulados. Você precisa levar o passaporte (validade mínima de seis meses), confirmação de envio do formulário DS-160 e confirmação do agendamento da entrevista, ambas impressas. No CASV eles vão conferir seus documentos, colher suas impressões digitais e tirar a foto que vai constar no seu visto. É permitido levar celulares e chaves, mas os aparelhos precisam estar desligados.

4-  Entrevista: Você precisa estar preparado para algum tempo de espera no consulado. O tempo médio de atendimento é de 1h30 a 2h. É importante chegar com pelo menos uma hora de antecedência, mas como os horários são agendados, não precisa exagerar na dose de ansiedade. A entrevista é tranquila e não é comum a recusa de visto para brasileiros sem motivo aparente. A dúvida mais comum dos viajantes é sobre quais documentos levar e em que idioma é realizado a entrevista. Obrigatoriamente você precisa levar a confirmação do formulário DS-160 e o seu passaporte (validade mínima de seis meses). Caso já tenha tirado visto para os Estados Unidos, leve o passaporte antigo também. Embora não seja comum a solicitação de outros documentos, é recomendável levar aqueles que comprovem as informações contidas no formulário, como carteira de trabalho e contra-cheque. Se preferir, a entrevista pode ser realizada toda em português. É difícil o visto ser negado imediatamente. Se não conseguir comprovar alguma coisa, seu visto pode cair em exigência e você vai precisar retornar com o documento solicitado. Para evitar transtornos, leve todos os documentos que achar necessário para comprovar que você tem vínculos no Brasil e pretende voltar.

A entrevista é simples e as perguntas sempre são as mesmas. Segue alguns exemplos: ● Você já esteve nos Estados Unidos? ● Já esteve em outros países? Quais? ● O que você faz no Brasil? Qual o seu rendimento mensal? ● Você tem parentes nos Estados Unidos? ● Que lugares você pretende conhecer nos Estados Unidos?

Após a aprovação, seu passaporte fica retido no consulado e será devolvido de acordo com a sua preferência no momento do agendamento (em sua residência ou no CASV).

Mais informações acesse o site do consulado americano.


Visto Canadense:

Se você deseja viajar para o Canadá, precisará de um visto de residente temporário.

Geralmente, o visto é válido por um período de permanência máxima de seis meses, entretanto o mesmo poderá ser diminuído quando você chegar no Canadá.

Ao chegar no Canadá, o oficial no porto de entrada informará se você poderá entrar no país e por quanto tempo poderá ficar. A data de vencimento do visto não pode exceder a data de vencimento indicada em seu passaporte.

Mais informações clique aqui.


Visto Mexicano:

Com a finalidade de oferecer ainda maiores facilidades migratórias para visitar o México, a partir do 1º de novembro de 2010, todos os cidadãos brasileiros nas categorias de turismo, negócios e trânsito, podem solicitar também o ingresso ao México através do visto eletrônico: Sistema de Autorização Eletrônica (SAE). O sistema emitirá uma autorização válida exclusivamente para cada viagem aérea, a qual deverá ser impressa e apresentada no balcão (check-in) daquelas companhias aéreas* que facultativamente estiverem operando com este sistema. Portanto, o solicitante brasileiro não precisa apresentar-se ao Consulado do México para requerer eventual autorização “extra” ou visto mexicano biomêtrico. Sendo o SAE facultativo para as companhias aéreas, o interessado deverá informar-se a respeito das companhias que efetivamente operem o sistema. O Consulado não é responsável por mudanças na política das companhias aéreas.

Companhias aéreas que já operam o SAE: Aeroméxico, Copa Airlines, Taca Airlines, Lan Airlines, Tam Airlines e Avianca.

Sistema de Autorização Eletrônica (SAE) disponível nos sites da Embaixada do México e dos Consulados do México no Brasil. A autorização não tem custos. O solicitante poderá utilizar o sistema para cada viagem aérea ao México.

VACINAS

VACINAÇÃO CONTRA FEBRE AMARELA
  • Viajando para as regiões brasileiras mencionadas abaixo é aconselhável a vacinação contra a febre amarela:

Região Centro Oeste:

– Mato Grosso; – Mato Grosso do Sul.

Região Norte:

– Rondônia; – Acre; – Amazonas; – Roraima; – Amapá; – Pará; – Tocantins.

  • Estão discriminados abaixo todos os países que exigem o certificado de vacinação contra a febre amarela:

A – Afeganistão; – África do Sul; – Albânia; – Angola; – Antigua e Barbuda; – Arábia Saudita; – Argélia; – Austrália.

B – Bangladesh; – Barbados; – Belize; – Benin; – Bhutan; – Bolívia; – Burkina Faso; – Burundi.

C – Cabo Verde; – Camarões; – Chad; – China Rep. Popular; – Colômbia; – Costa do Marfim.

D – Dominica.

E – Egito; – El Salvador; – Emirados Árabes; – Equador; – Equatorial Guiné; – Eritréa; – Etiópia.

F – Fiji.

G – Gabão; – Gâmbia; – Geórgia; – Ghana; – Grécia; – Grenada; – Guatemala; – Guiana; – Guiné-Bissau; – Guiné República.

H – Honduras.

I – Ilha Sta Lúcia; – Ilha St.Vicent and The Grenadines (Kingstown); – Ilhas Seychelles; – Ilhas Solomon; – Índia; – Indonésia; – Irã; – Iraque.

J – Jamaica.

L – Laos; – Líbia.

M – Madagascar; – Malásia; – Malawi; – Maldivas; – Mali; – Marshall – Ilha; – Mauricius; – Mauritania; – Moçambique; – Moldávia.

N – Namíbia; – Nepal; – Nicarágua; – Niger; – Nigéria; – Niue.

O – Oman.

P – Palau – Ilha; – Panamá; – Papua Nova Guiné; – Paquistão; – Peru.

Q – Qatar.

R – Ruanda.

S – Samoa Americana; – Samoa – Western; – São Tomé e Princípe; – Senegal; – Sierra Leone; – Singapura; – Somália; – St. Kits – Nevis; – Sudão; – Suriname.

T – Tailândia; – Tanzânia; – Togo (República); – Tonga; – Trinidad e Tobago; – Tunísia.

U – Uganda.

V – Venezuela.

Y – Yemen Republic.

Z – Zaire – Rep. Democrática do Congo; – Zimbabwe.

A vacinação contra a Febre Amarela é recomendada pelo Ministério da Saúde com no mínimo de 10 (dez) dias de antecedência do dia marcado para a viagem.

POSTOS DE VACINAÇÃO :

Importante: Para a vacinação contra a febre amarela, o viajante deve comparecer aos postos munido de Carteira de Identidade (ou Passaporte, em caso de viajantes estrangeiros). Os postos abaixo relacionados fornecem atestados de vacinação válidos para viagens nacionais e/ou internacionais. Para maiores informações entre em contato com a Secretaria de Saúde através do Disque-Saúde: 1520.

São Paulo:

Aeroporto de Congonhas (Ala Sul) Av. Washington Luis, s/nº – Campo Belo Fone: (11) 3241-2373 De Segunda à Sexta, das 8h30 às 17h30. Aos Sábados, das 08h30 às 14h

Aeroporto Internacional de Guarulhos Saúde dos Portos – Terminal de Passageiro l – Piso Térreo Fone: (11) 5090-9228 De Segunda à Sexta, das 8h às 17h

P.A.M. Santo Amaro Rua Paulo Eiró, 23 Fone: (11) 3548-6245 Às Terças, das 8h às 14h

Posto Portuário de Santos Rua Frei Gaspar, 22 – Conjs. 11/12 – Centro Fone: (13) 3219-8076 De Segunda à Sexta, das 8h às 12h

Aeroporto Internacional Viracopos Rod.Santos Dumont, Km 66 Campinas Fone: (19) 7255-5407 De Segunda à Sexta, das 8h às 12h

Rio de Janeiro:

Saúde dos Portos – Setor de Vacinação Rua México,128 – Térreo Fone: (21) 3240-3568 De Segunda à Sexta, das 10h às 11h e das 14h às 15h

Rio Grande do Sul:

Aeroporto Internacional Salgado Filho Av. Severino Dulius, 90010 – Porto Alegre Fone: (51) 3358-2459 De Segunda à Sexta, das 8h30 às 12h30

Pernambuco:

Aeroporto Internacional de Guararapes Pça Ministro Salgado Filho, s/nº – Imbiribeira Fone: (81) 3462-4954 Às Segundas e Quintas, das 7h30 às 11h30 Às Quartas, das 13h às 17h

Aeroporto de Petrolina BR 235 – Km 11 – Petrolina Fone: (81) 3863-1514 De Segunda a Sábado, das 9h às 15h

Porto de Recife Av. Alfredo Lisboa, 1168 / SL Fone: (81) 3224-0217 De Terça e Sexta, das 7h às 11h30

Bahia:

Aeroporto Internacional Dep. Luis Eduardo Magalhães – 1º piso – Salvador Fone: (71) 3377-3138 De Segunda à Sexta, das 9h às 12h30 e das 13h30h às 17h

Brasília:

Aeroporto Internacional de Brasília Local: Desembarque internacional Fone: (61) 3364-9228 De Segunda à Sexta, das 8h às 12h e das 13h às 17h

Ministério da Saúde Posto de Vacinação – Esplanada dos Ministérios – Bloco G – Anexo Térreo Fone: (61) 3315-2671 De Segunda à Sexta, das 8h às 12h e das 13h às 17h

Minas Gerais:

Centro Rua Rio de Janeiro, 1200 Fone: (31) 3689-2009 De Segunda à Sexta das 8h30 às 11h15 e das 14h às 17h

Santa Catarina:

Aeroporto Internacional Hercílio Luz Av. Diomício Freitas, s/nº – Carianos – Florianópolis Fone: (48) 251-7800 De Segunda à Sexta das 08:00 às 12:00

TELEFONES ÚTEIS

BRASIL DIRETO:

O idioma não é mais um problema para quem precisa ligar do exterior para o Brasil.
A Embratel oferece a você o BrasilDireto. Com ele, você liga a cobrar de qualquer telefone no mundo e o pagamento é feito no Brasil, em Reais. E você ainda pode escolher em qual idioma deseja ser atendido: português ou inglês.
Benefícios:
  • Você escolhe se quer ser atendido em português ou em inglês.
  • A ligação é paga no Brasil, em R$.
  • Você pode ligar de qualquer telefone no exterior: fixo, móvel ou público*.
  • Sua ligação pode ser feita automaticamente ou com o auxílio de um operador da Embratel, onde você tem acesso a serviços exclusivos.
País Número de Acesso Acesso via telefone
África do Sul 0800 99 00 55 Fixo/Móvel/TUP
Alemanha 08000800055 Fixo/Móvel/TUP
Argentina 08009995500 08009995501 08009995503 08005555500 Fixo/Móvel/TUP Fixo/Móvel/TUP Fixo/Móvel/TUP Fixo/Móvel/TUP
Austrália 1800881550 Fixo/Móvel/TUP
Áustria 0800200255 Fixo/Móvel
Bélgica 080010055 Fixo/Móvel/TUP
Bolívia 800100055 Fixo/Móvel/TUP
Canadá 18004636656 Fixo/Móvel/TUP
Chile 800360220 800800272 Fixo Fixo
China 8004900125 Fixo
Chipre 800 93 291 Fixo/Móvel/TUP
Cingapura 8000550550 Fixo/Móvel
Colômbia 018009550010 Fixo
Coréia do Sul 00722055 00309551 Fixo Fixo
Dinamarca 808 855 25 Fixo/Móvel/TUP
Eslováquia 0800 005500 Fixo/Móvel/TUP
Espanha 900990055 Fixo/Móvel/TUP
Estados Unidos 18003441055 18002831055 18007455521 Fixo/Móvel/TUP Fixo/Móvel/TUP Fixo/Móvel/TUP
Formosa (Taiwan) 801550055 Fixo
França 0800990055 Fixo/Móvel/TUP
Grécia 80016122054194 Fixo
Guiana Francesa 0800990055 Fixo/Móvel/TUP
Holanda 08000220655 Fixo/TUP
Hungria 0680005511 Fixo/Móvel/TUP
Israel 1809494550 Fixo/Móvel/TUP
Itália 800172211 Fixo/Móvel/TUP
Japão 00539551 006635055 Fixo/Móvel/TUP Fixo
Luxemburgo 080020055 Fixo/TUP
México 018001230221 Fixo
Noruega 80019550 Fixo
Panamá 008000175 Fixo
Paraguai 00855800 Fixo/TUP
Peru 080050190 Fixo
Polônia 008004911488 Fixo/Móvel/TUP
Portugal 800800550 Fixo/Móvel/TUP
Reino Unido 0800890055 Fixo/Móvel/TUP
República Dominicana * 18007518500 Fixo/Móvel/TUP
Rússia 81080020971049 Fixo/Móvel/TUP
Suécia 20799055 Fixo
Suiça 0800555251 Fixo/Móvel/TUP
Uruguai 000455 Fixo/Móvel/TUP
Venezuela 08001001550 Fixo/Móvel
TUP – telefone de uso público Fixo – telefone fixo Móvel – telefone móvel / celular- O uso de telefones em hotéis e seu critério de pagamento dependem de cada hotel. – Poderá haver necessidade de moeda ou cartão para habilitar o uso do telefone público. – O uso de telefones celulares poderá incorrer em pagamento de tarifa de roaming. Consulte sua operadora móvel. – O acesso a este serviço a partir de telefones celulares pode não estar habilitado em alguns países.

(1) Para ilhas Faroe, somente chamadas a cobrar. (2) Inclui Baleares, Canárias, Ceuta e Melilla. (3) Inclui Alasca, Havaí, Porto Rico, Ilhas Virgens Americanas, Guam e Ilhas Marianas do Norte. (4) Inclui Ilha de Córsega. (5) Inclui San Marino e Vaticano. (6) Inclui Açores e Madeira. (7) Para Rep. Dominicana a origem o terminal precisa ser das operadoras Codetel/Claro

VIAJANDO PELO BRASIL

Para viajar dentro do território nacional não é necessário o uso de passaporte, mas você precisa de algum documento de identidade. São reconhecidos como documentos de identidade:

Maiores de 18 anos:
  • RG original ou Carteira Nacional de habilitação válida com foto;
  • Passaporte Nacional válido;
  • Carteira de Trabalho;
  • Certificado de reservista;
  • Carteiras Profissionais emitidas pelos Conselhos com foto (EX: OAB, CRM, ETC.);
  • Cartões de identidade expedidos pelos Ministérios e órgãos subordinados ao Presidente da República, incluindo comandos da Marinha, Exército, Aeronáutica e Ministério da Defesa.
Crianças de 12 a 17 anos:

Desacompanhadas:

  • RG original ou Certidão de Nascimento original;
  • Passaporte Nacional válido;
  • Carteira de Trabalho.

Acompanhadas:

  • RG original ou Certidão de Nascimento original;
  • Passaporte Nacional válido;
  • Carteira de Trabalho.
Crianças de 06 a 11 anos:

Desacompanhadas:

  • RG original ou Certidão de Nascimento original;
  • Preenchimento no aeroporto de protocolo de Autorização de Viagem de Menor desacompanhado;
  • Autorização Judicial (Juizado de Menores).

OBS: A autorização judicial que a criança deverá portar não necessita ter sido expedida na cidade de embarque, podendo, assim, ser emitida em qualquer localidade. A autorização judicial não terá que conter obrigatoriamente a informação de trecho, data, nome e parentesco da pessoa responsável, etc., pois cada localidade possui sua particularidade para emissão.

Acompanhadas:

  • RG original ou Certidão de Nascimento original.

OBS: Não é necessária Autorização Judicial (Juizado de Menores), desde que o acompanhante seja maior de 18 anos, e seja ascendente até o terceiro grau ( irmãos, tios ou avós ) com documentação que comprove o parentesco. Ou, em outro caso, do acompanhante ser expressamente autorizado pelo pai, mãe responsável, por escrito com firma reconhecida.

Crianças de 00 a 05 anos:

Desacompanhadas:

  • Não serão transportadas crianças menores de 05 anos.

Acompanhadas:

  • RG original ou Certidão de Nascimento original;
  • Não é necessária Autorização Judicial (Juizado de Menores), desde que o acompanhante seja maior de 18 anos, e seja ascendente até o terceiro grau (irmãos, tios ou avós) com documentação que comprove o parentesco. Ou, em outro caso, do acompanhante ser expressamente autorizado pelo pai, mãe responsável, por escrito com firma reconhecida.

OBS: No caso de gêmeos ou trigêmeos, será necessário um adulto por criança. * BOLETINS DE OCORRÊNCIA só serão aceitos se emitidos por furto ou roubo. Não serão aceitos nos casos de perda ou extravio.

AMÉRICA DO SUL

Para viagens internacionais dentro do países membros do Mercosul (Argentina, Uruguai e Paraguai) não é necessário o uso do passaporte brasileiro, contudo, você pode usá-lo se preferir. Para entrar nesses países basta apresentar a carteira de identidade(RG) em bom estado e recente para evitar problemas na fronteira.

Recomendamos que a foto esteja nítida e de fácil identificação.
Mais informações sobre o Cone Sul acesse aqui.

AMÉRICA DO NORTE

Visto Americano:
O visto americano é um documento exigido para qualquer pessoa de outra nacionalidade que deseja entrar em território americano e que não possua nacionalidade de um dos países de Isenção de Visto. O visto é necessário até mesmo para crianças ou para o trânsito em um Aeroporto Americano. O governo americano é bem rigoroso em seus critérios para a emissão do visto EUA por questões de segurança, este site tem a finalidade de informar sobre os tipos de vistos e os documentos necessários para emissão do visto.
O governo americano possui uma variedade de vistos, que atendem a diversas finalidades e possuem formulários e requisitos específicos, os tipos mais comuns são: visto de trânsito, visto de imigrante, visto de não imigrante, visto de estudante.

Informações para tirar ou renovar o visto americano, preenchimento de formulário online, pagamento de taxa, emissão do código e agendamento de entrevista estão disponíveis para seu auxílio.

Se você tiver que viajar aos Estados Unidos, precisa tirar o visto americano. Para solicitar, deverá fazer os seguintes passos:

1- O primeiro passo para tirar o visto é preencher o Formulário DS-160 – disponível no site do consulado estadunidense. Ao acessar essa página, você precisa escolher o consulado americano onde deseja fazer sua entrevista (presencial) e, claro, preencher o documento. Para isso, clique em “Start an Application”. O formulário é extenso e demanda muita atenção, por isso é recomendável escolher um momento tranquilo para preencher o documento. Caso seja necessário, é possível interromper o processo e retomá-lo em outra hora. Para evitar problemas, antes de finalizar o preenchimento e enviar o formulário, certifique-se de que todas as informações estão corretas.

2- Depois de preencher devidamente e enviar o formulário, é hora de emitir o boleto para pagamento da taxa. Para isso, é necessário fazer um cadastro no Site Oficial de Informações de Visto para os Estados Unidos. Após acessar a página, clique em “Criar Conta”. Você vai precisar preencher alguns dados e solicitar a marcação da entrevista. Lembre-se de selecionar o mesmo consulado solicitado antes, no formulário DS-160. Escolha também como você deseja receber o visto – pode ser entregue em casa ou retirado no CASV de sua preferência. O próximo passo é pagar a taxa cobrada pelo visto. O pagamento pode ser feito via boleto bancário ou cartão de crédito. Ao usar o cartão, o sistema confirma imediatamente o pagamento e libera a marcação da entrevista. Caso prefira boleto, você precisa esperar 24h para confirmar e continuar o precesso. Feito o pagamento, você deve agendar as entrevistas. O primeiro encontro é para cadastramento inicial de suas digitais e obtenção de foto no CASV (Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto) e o segundo é para a entrevista no consulado de sua preferência.

3- O atendimento nesses postos são bem tranquilos e são realizados para agilizar o andamento das entrevistas nos consulados. Você precisa levar o passaporte (validade mínima de seis meses), confirmação de envio do formulário DS-160 e confirmação do agendamento da entrevista, ambas impressas. No CASV eles vão conferir seus documentos, colher suas impressões digitais e tirar a foto que vai constar no seu visto. É permitido levar celulares e chaves, mas os aparelhos precisam estar desligados.

4-  Entrevista: Você precisa estar preparado para algum tempo de espera no consulado. O tempo médio de atendimento é de 1h30 a 2h. É importante chegar com pelo menos uma hora de antecedência, mas como os horários são agendados, não precisa exagerar na dose de ansiedade. A entrevista é tranquila e não é comum a recusa de visto para brasileiros sem motivo aparente. A dúvida mais comum dos viajantes é sobre quais documentos levar e em que idioma é realizado a entrevista. Obrigatoriamente você precisa levar a confirmação do formulário DS-160 e o seu passaporte (validade mínima de seis meses). Caso já tenha tirado visto para os Estados Unidos, leve o passaporte antigo também. Embora não seja comum a solicitação de outros documentos, é recomendável levar aqueles que comprovem as informações contidas no formulário, como carteira de trabalho e contra-cheque. Se preferir, a entrevista pode ser realizada toda em português. É difícil o visto ser negado imediatamente. Se não conseguir comprovar alguma coisa, seu visto pode cair em exigência e você vai precisar retornar com o documento solicitado. Para evitar transtornos, leve todos os documentos que achar necessário para comprovar que você tem vínculos no Brasil e pretende voltar.

A entrevista é simples e as perguntas sempre são as mesmas. Segue alguns exemplos: ● Você já esteve nos Estados Unidos? ● Já esteve em outros países? Quais? ● O que você faz no Brasil? Qual o seu rendimento mensal? ● Você tem parentes nos Estados Unidos? ● Que lugares você pretende conhecer nos Estados Unidos?

Após a aprovação, seu passaporte fica retido no consulado e será devolvido de acordo com a sua preferência no momento do agendamento (em sua residência ou no CASV).

Mais informações acesse o site do consulado americano.

Visto Canadense:

Se você deseja viajar para o Canadá, precisará de um visto de residente temporário.

Geralmente, o visto é válido por um período de permanência máxima de seis meses, entretanto o mesmo poderá ser diminuído quando você chegar no Canadá.

Ao chegar no Canadá, o oficial no porto de entrada informará se você poderá entrar no país e por quanto tempo poderá ficar. A data de vencimento do visto não pode exceder a data de vencimento indicada em seu passaporte.

Mais informações clique aqui.

Visto Mexicano:

Com a finalidade de oferecer ainda maiores facilidades migratórias para visitar o México, a partir do 1º de novembro de 2010, todos os cidadãos brasileiros nas categorias de turismo, negócios e trânsito, podem solicitar também o ingresso ao México através do visto eletrônico: Sistema de Autorização Eletrônica (SAE). O sistema emitirá uma autorização válida exclusivamente para cada viagem aérea, a qual deverá ser impressa e apresentada no balcão (check-in) daquelas companhias aéreas* que facultativamente estiverem operando com este sistema. Portanto, o solicitante brasileiro não precisa apresentar-se ao Consulado do México para requerer eventual autorização “extra” ou visto mexicano biomêtrico. Sendo o SAE facultativo para as companhias aéreas, o interessado deverá informar-se a respeito das companhias que efetivamente operem o sistema. O Consulado não é responsável por mudanças na política das companhias aéreas.

Companhias aéreas que já operam o SAE: Aeroméxico, Copa Airlines, Taca Airlines, Lan Airlines, Tam Airlines e Avianca.

O SAE pode ser acessado gratuitamente aqui.

Sistema de Autorização Eletrônica (SAE) disponível nos sites da Embaixada do México e dos Consulados do México no Brasil. A autorização não tem custos. O solicitante poderá utilizar o sistema para cada viagem aérea ao México.

EUROPA

Documentos para viajar para a Europa
  • Passaporte com pelo menos seis meses de validade;
  • Seguro viagem com cobertura do Tratado de Schengen;
  • Passagem de volta impressa;
  • Reservas dos hotéis durante a viagem (ou uma carta-convite);
  • Comprovante de que você terá ao menos €65 por dia (vale em espécie ou faturas do cartão de crédito internacional que comprovem esse limite).

PASSAPORTE

É essencial e obrigatório ter um passaporte válido para entrar na Europa. É altamente recomendável que seu documento tenha ao menos 6 meses de validade a partir da data da viagem, caso contrário, você pode ter problemas na imigração, dependendo do país (alguns exigem apenas 3 meses, mas é melhor não arriscar). Se precisar, veja como tirar o passaporte brasileiro passo a passo

VISTOS

Para viajar para os países da União Europeia (veja lista), brasileiros a turismo por até três meses não precisam de visto. O mesmo costuma valer para outras nações do continente que não fazem parte do bloco, como Noruega, Islândia, Suíça, Rússia, Albânia, Montenegro, Bósnia e Herzegovina, Turquia, Sérvia, entre outros.

VIAJANDO PRA ÁREA DO TRATADO DE SCHENGEN

Também chamado de Acordo de Schengen, esse tratado permitiu a criação de uma política de abertura das fronteiras para livre circulação de pessoas na Europa entre os países membros. Para você, turista, isso quer dizer que não haverá nem mesmo imigração entre um país e outro desse grupo. Você fará a imigração apenas uma vez, no aeroporto de chegada à região de Schengen.

Mas se você vai viajar pra algum desses países, embora não necessite de visto, precisará de um seguro saúde obrigatório, com algumas particularidades como mostraremos mais abaixo. Embora todos fiquem na Europa, não confunda essa área com a União Europeia. Para viagens aos países que membros do Tratado de Schengen é obrigatório ter um seguro de viagem com cobertura mínima de €30 mil em assistência médica.

Atualmente os membros da Área de Schengen são:

Alemanha
Áustria
Bélgica
Dinamarca
Eslovênia
Eslováquia
Estônia
Espanha
França
Finlândia
Grécia
Holanda (Países Baixos)
Hungria
Itália
Islândia
Letônia
Lituânia
Luxemburgo
Liechtenstein
Malta
Noruega
Polônia
Portugal
República Tcheca
Suécia
Suíça
* Croácia, Romênia e Bulgária são candidatos ao tratado

SEJA UM PARCEIRO

A Urbi et Orbi tem como compromisso oferecer ao mercado os melhores pacotes nacionais e internacionais de viagens. Mais do que dispor de pacotes no mercado, pretende antever novos destinos, dispor de recursos humanos e promocionais, criar relacionamento sólido e duradouro com seus parceiros.

Se você ainda não conhece o nosso trabalho, convidamos a conhece-lo clicando aqui para se inteirar dessa jornada que já ultrapassam 50 anos fazendo a alegria de muitas pessoas pelo Brasil.

Você quer ser nosso parceiro e nos ajudar a levar homens, mulheres e crianças até onde a imaginação humana alcança, até onde o sonho que ir, sinta a vontade para ser nosso amigo nessa missão tão gratificante, é só fazer o seu cadastro, tirar a suas dúvidas e começar a dizer aos seus passageiros os lugares maravilhosos que a Urbi et Orbi pode levar.

Para vender os produtos URBI et ORBI é simples, basta se cadastrar aqui, escolher um atendente para ser o seu guia pelos produtos URBI.

Contamos com uma equipe de atendimento altamente treinada e focada em oferecer o que o agente de viagem precisar.

Faça o seu cadastro, escolha o seu atendente e boas vendas.

AGENTE DE VIAGEM

A URBI et ORBI é uma das mais tradicionais operadoras de turismo do país. Aqui você conta com atendimento de profissionais altamente treinados, uma prateleira de produtos de qualidade e um leque vasto de opções para oferecer aos seus clientes.

Seja nosso distribuidor e coloque a disposição dos seus passageiros pacotes de qualidade com preços incríveis.

Faça parte desse mundo de atrações agora.

—————————————————————————————————–

TUTORIAL ÔMEGA

Prezado Agente de Viagens,

Para auxiliá-lo no processo de cotação e venda de pacotes, disponibilizamos um Tutorial detalhado do Sistema Ômega.

Clique AQUI e visualize o tutorial.

—————————————————————————————————–
INFORMAÇÃO IMPORTANTE:

CONDIÇÕES GERAIS

Viajar é um dos maiores prazeres da vida, mas para fazer qualquer viagem é necessário estar ciente dos termos que envolvem essa atividade. Leia abaixo e fique a par de todas as particularidades que envolvem cada tipo de viagem.

Termos e condições:

» VIAGENS A EUROPA » CONDIÇÕES GERAIS DE CONTRATO – BARILOCHE 2015 » CONDIÇÕES GERAIS – NACIONAL 2016

Documentos:

» AUTORIZAÇÃO PARA MENOR VIAJAR

Seguro Intermac:

FORMAS DE PAGAMENTO

A Urbi et Orbi permite que você parcele sua viagem com cheque ou cartão de crédito. O parcelamento é sujeito a aprovação do crédito.

PAGUE EM ATÉ 10X SEM JUROS!

Os cartões de crédito aceitos são: Master, Visa, Diners e American Express.

PERGUNTAS FREQUENTES

01) Me interessei por um dos pacotes oferecidos no site. Qual o próximo passo para viajar? 

O próximo passo é visitar uma das agências da rede credenciada da Urbi et Orbi para realizar a compra do pacote escolhido. Você pode localizar a agência mais próxima de você acessando a seção Seu Agente no site da Urbi et Orbi.

02) Quais as formas de pagamento aceitas pela Urbi et Orbi? 

A Urbi et Orbi aceita as seguintes formas de pagamento:

  • Dinheiro
  • Cheque
  • Mastercard
  • Visa
  • Diners Club
  • American Express

03) É possível parcelar o pagamento de um pacote?

Sim. A Urbi et Orbi permite que você parcele sua viagem em até 10 vezes com cheque ou cartão de crédito (exceto p/ pacotes somente terrestres). O parcelamento é sujeito a aprovação do crédito. Os cartões de crédito aceitos são: Master, Visa, Diners e American Express.

04) Não encontrei uma agência de turismo credenciada na minha cidade. O que devo fazer?

Neste caso você pode fazer contato direto com a Urbi et Orbi através das seguintes opções:
  • Telefone: (21) 2108-9997;
  • E-mail: vendas@urbietorbi.com.br;
  • Ou acessando o Fale Conosco.

05) Preciso de visto para entrar em qualquer país? 

Não se sua viagem for à passeio. Existem países que não exigem visto para turistas. Para ver se o destino que deseja visitar exige visto ou não consulte http://www2.mre.gov.br/.

06) Como faço para tirar ou renovar o meu passaporte?

A primeira providência a ser tomada é preencher o formulário de requerimento de passaporte que pode ser adquirido através do site da Polícia Federal (http://www.dpf.gov.br). Em seguida dirija-se a um posto de atendimento da Polícia Federal munido dos seguintes documentos:

  • Carteira de identidade ou certidão de nascimento para os menores de 18 anos,
  • Título de eleitor com os comprovantes da última eleição,
  • 02 (duas) fotos 5×7 de fundo branco e com data.
  • Homens com idade entre 18 e 45 anos também devem apresentar o certificado de reservista.
  • Mulheres casadas e que ainda não regularizaram a situação da cédula de identidade, é necessário apresentar a certidão de casamento.
  • Comprovante de pagamento da taxa por meio da guia GRU (Guia de Recolhimento da União), que deverá ser preenchida pela internet.
  • Se você está renovando seu passaporte leve consigo o que está vencido ou próximo de expirar.

Para mais informação acesse: http://www.dpf.gov.br.

07) Como tirar o passaporte de um menor de idade? 

Um menor de idade só pode tirar passaporte com a autorização de ambos os pais ou responsáveis legais em formulário próprio que pode ser encontrado no site da Polícia Federal. O menor deve obrigatoriamente estar presente na hora que for feito o requerimento do passaporte e também na sua entrega. Mais informações: http://www.dpf.gov.br.

08) É muito difícil tirar um visto? 

Isso vai depender muito do país para onde deseja ir, já que cada país adota diferentes critérios e exigências para a entrada e permanência de estrangeiros em seu território.Normalmente quem viajar a passeio deve preencher formulários com dados pessoais, apresentar fotos, documentos, imposto de renda, passagens aéreas, além de pagar alguma taxa. Mas isso não é uma regra. Para informações detalhadas sobre as exigências entre em contato com a embaixada ou consulado do país desejado.

09) Para onde posso viajar sem a necessidade de levar o passaporte? 

Argentina, Bolívia, Chile, Paraguai, Peru e Uruguai não exigem passaporte de brasileiros que permanecerão no país até 90 dias. Nestes casos, para entrar nesses países basta apresentar o RG original em bom estado e recente para evitar problemas na fronteira. Para tempo de permanência superior a 90 dias é necessário visto. Recomenda- se contactar diretamente o serviço consular do país considerado para confirmar as informações.

10) Tive meu passaporte roubado. O que fazer? 

Se tiver seu passaporte roubado/ perdido/ extraviado procure imediatamente uma delegacia e faça a ocorrência policial para evitar o uso indevido de seu documento. Se isso acontecer em outro país procure uma embaixada ou consulado brasileiro onde conseguirá a ajuda necessária para a retirada de um novo passaporte ou documento para que possa continuar sua viagem com segurança.

11) Farei uma viagem internacional e pretendo alugar um carro/ moto. Preciso de um documento de habilitação internacional? 

Apesar da maioria dos países aceitar a carteira de habilitação brasileira, é aconselhável tirar a carteira de habilitação internacional. No Brasil o Touring é a empresa responsável, no Brasil, pela emissão do documento. Para mais informações de como tirar sua carteira de habilitação internacional visite: http://www.touring.com.br/habilitacao.php.

12) Quais documentos preciso levar comigo na hora do embarque?

Para embarcar para destinos nacionais você precisa de algum documento de identidade. São reconhecidos como documentos de identidade:
 
  • Passaporte Nacional;
  • Carteira de Identidade (RG), expedida pela Secretaria de Segurança Pública dos Estados ou Distrito Federal;
  • Cartões de Identidade expedidos pelos ministérios e órgãos subordinados ao Presidente da República, incluindo os Comandos da Marinha, do Exército, da Aeronáutica, do Ministério da Defesa;
  • Carteira Nacional de Habilitação (modelo com fotografia);
  • Carteiras Profissionais emitidas pelos Conselhos (modelos com fotografia);
  • Carteira de Trabalho
  • Para destinos internacionais:
  • Países membros do Mercosul (Argentina, Uruguai, Paraguai) não exigem passaporte de brasileiros. Para entrar nesses paises basta apresentar o RG em bom estado e recente para evitar problemas na fronteira.
Outros países:
  • Passaporte;
  • Visto de entrada no país (quando necessário).

Mais informações: http://www.anac.gov.br

13) Quais são as restrições para bagagem de mão? 

 A Resolução da ANAC  nº 07 aprova o regulamento sobre limitação de transporte de substâncias líquidas em vôos internacionais. Produtos de higiene pessoal, na bagagem de mão, devem estar em frascos de até 100ml, em um saco plástico com fecho que acondicione até 1 litro de volume e não ultrapasse a dimensão de 20cm x 20cm. Leia no site da ANAC a resolução publicada no Diário Oficial nº 41, de 01 de março de 2007: http://www.anac.gov.br
Em viagens internacionais é importante consultar as restrições específicas dos países visitados, ou mesmo onde ocorrerão as escalas.

Estados Unidos – Transportation Security Administration http://www.tsa.gov

14) O que posso transportar dentro do avião? 

Existe uma lista de itens proibidos e tolerados em viagens de avião. Para consultar a lista visite o site da ANAC: http://www.anac.gov.br.

Em viagens internacionais é importante consultar as restrições específicas dos países visitados, ou mesmo onde ocorrerão as escalas.
Estados Unidos – Transportation Security Administration http://www.tsa.gov
União Européia – Air Transport Portal of the European Commission http://ec.europa.eu

15) Qual o limite de compras que posso fazer no exterior? 

De acordo com a Receita Federal, no seu retorno ao Brasil, você pode trazer, sem pagamento de tributos, desde que sejam incluídas no conceito de bagagem, não permitam presumir importação com fins comerciais ou industriais e observado o limite de valor global de :
  • UU$ 500,00 (dólares dos Estados Unidos) ou o equivalente em outra moeda, quando o viajante ingressar no País por via aérea ou marítima;
  • UU$ 300,00 (dólares dos estados Unidos) ou o equivalente em outra moeda, quando o viajante ingressar no País por via terrestre, fluvial ou lacustre.

Para informações mais detalhadas, visite o site da Receita Federal:http://www.receita.fazenda.gov.br/Aduana/Viajantes/DicaViajantes.htm

16) O que fazer se meu voo atrasar? 

Segundo a ANAC, caso ocorra atraso de vôo superior a 4 (quatro) horas, a empresa aérea tem por obrigação lhe proporcionar todas as facilidades, como refeições, telefonemas, transporte de e para o aeroporto e acomodação se for o caso. Se o passageiro não aceitar essas facilidades, preferindo viajar por outra companhia, fique atento, isto só será possível se o seu bilhete for endossável, ou seja, vai depender do tipo de tarifa na qual foi adquirida a sua passagem. A prática do endosso varia, tendo em vista as tarifas diferenciadas. Se o passageiro desistir e preferir, o reembolso também é possível. Contudo, só haverá reembolso imediato se, ao comprar o bilhete, o passageiro efetuar o pagamento em dinheiro. O passageiro(a) deve ficar atento, mais uma vez, pois existem tipos de tarifas que não permitem a prática do reembolso. Para mais informação acesse: http://www.anac.gov.br/.

17) O que fazer se o meu vôo for cancelado? 

Segundo a ANAC,qualquer que seja o motivo do cancelamento do vôo, o passageiro(a) terá direito ao reembolso do valor já pago do bilhete, desde que o tenha comprado mediante pagamento em dinheiro. No caso de bilhete adquirido pelo sistema de crediário, cartão de crédito ou por meio de cheque, o mesmo só poderá ser utilizado em transporte de outra empresa, mediante prévia concordância da empresa aérea emitente do bilhete. Se o(a) Passageiro(a) adquiriu o seu bilhete por um desses sistemas, só terá direito ao reembolso depois de quitado o débito com o transportador emitente. Mais informações: http://www.anac.gov.br/.

18) Minha bagagem foi danificada. O que fazer? 

Caso haja danos ou violação, deve-se tirar a bagagem da esteira do aeroporto e comunicar imediatamente à companhia aérea. A empresa aérea deverá ser responsabilizada e pagar indenização ou reparo da bagagem. Em caso de extravio, a empresa aérea é responsável por localizar a bagagem e se não conseguir, deve indenizar o passageiro.

Fale Conosco